Categorias
Desenvolvimento Pessoal Internet Redes sociais Reflexão

Como Humanizar a Tecnologia?

Como humanizar a Tecnologia

Imagine que neste momento este texto está sendo escrito através de um Aplicativo no smartphone em um serviço de Cloud Computing que automaticamente guarda os dados que são feitos pelo sinal wi-fi do modem na internet. Então apesar de toda essa tecnologia disponível em nossos dias, ainda utilizamos todo este conhecimento para o mesmo fim: As Pessoas.  A cada dia que passa isso se torna cada vez mais claro,  pois veja o nosso exemplo; Estou usando todo este aparato para contar com a sua atenção, leitor que provavelmente estará lendo este arquivo direto do seu computador. Vejamos a seguinte situação: Eu não sou a única pessoa que interage através desta grande rede, você aí do outro lado é responsável por isso também e todos nós precisamos ter uma grande missão neste século que é Humanizar a Tecnologia e a nossa comunicação humana. Para tal trabalho é necessário criar formas que consigam adaptar toda a nossa humanidade através de Dados e Bits e também conciliar com as várias gerações de pensamentos que convivem juntas neste presente século. Temos várias ferramentas que tornam as pessoas em leads e informação, mas que ainda assim exige contato humano rápido e direto nas 24 horas do dia para realizarem os seus desejos, resolver seus problemas e muitas outras questões das interações humanas que agora são feitas na internet. Vamos criar uma relação harmoniosa com todos esses gadgets que nos fazem ser conectados ainda mais uns com os outros, repare nisso; estamos descobrindo como ser humanos novamente através da tecnologia.  Essa é a mesma caminhada que fazemos desde o começo da humanidade,  mas agora os paradigmas e questionamentos são totalmente diferentes e muita coisa está por vir.  E você o que está fazendo para humanizar a tecnologia?

 

Por André Crevi

Freelancer | Creator @dinofauro | @PetitGuazu | Designer gráfico | Social Media | Jardinagem | Consciência |

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.